Últimas Notícias
Guarapari

Prefeitura de Guarapari em fase de análise quanto ao reajuste do piso salarial do professor

O Presidente Jair Bolsonaro divulgou no último dia (27) um reajuste de cerca de 33% no piso salarial do professor de educação básica.

Na última quinta-feira, 27 de janeiro de 2022, o presidente Bolsonaro anunciou em sua rede social o reajuste no piso salarial do professor de educação básica. O aumento seria de aproximadamente 33%, o que deve elevar a remuneração inicial dos docentes de R$ 2.886 para cerca de R$ 3.800. 

Prefeitura de Guarapari em fase de análise quanto o reajuste do piso salarial do professor
Fonte: Foto/Reprodução

Essa elevação do piso salarial do professor pode acontecer por causa de uma mudança legislativa no financiamento da educação, ocorrida em 2021, com a aprovação do novo Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação).


Mas quando será pago o novo piso salarial do professor?

O reajuste já vale para o salário de janeiro, que deverá ser pago no mês de fevereiro. Contudo, alguns Estados e Municípios afirmam que o aumento terá impacto nas finanças.

O prefeito de Guarapari, Edson Magalhães, disse que está em fase de estudo quanto à aplicação do novo piso salarial dos professores, não se posicionou se dará ou não o reajuste. A Secretaria Municipal da Educação (SEMED) também não se manisfestou, enquanto outros municípios vizinhos já apontam as correções salariais. 

Prefeitura de Guarapari em fase de análise quanto ao reajuste do piso salarial do professor
Foto: Reprodução

O aumento do piso salarial dos profissionais do magistério público da educação básica é permitido. Os Estados e Municípios não podem, apenas, pagar remuneração abaixo do mínimo estabelecido pelo Governo Federal. 

A expectativa era a de que a proposta fosse aprovada e passasse a valer ainda no mês de janeiro de 2022, mas ainda não há novidades sobre a iniciativa. Agora vamos acompanhar como a Prefeitura de Guarapari irá tratar desse assunto, já que no ano de 2021 a prefeitura negou abono salarial a mesma classe afirmando não ter saldo suficiente para tal.


Da Redação
Por Portal ES Digital



« VOLTAR
AVANÇAR »

Nenhum comentário