Últimas Notícias
Guarapari

Importante saber

Importante/block-2

Notícias de Guarapari

Guarapari/block-6
Videos/block-5

Colunas & Opinião

Colunas%20e%20Opinião/block-5

Mais sobre Espírito Santo

Espirito%20Santo/block-4

Caderno Policial

Policial/block-3

Variedades

Variedades/block-2

Mais sobre Política

Política/block-3

Mais sobre Esportes

Esporte/block-1

Últimas Notícias

Dia Mundial do Pobre é celebrado pelas paróquias da Área Benevente em Guarapari

A Arquidiocese de Vitória promove na Área Benevente através da rede de ações Paz & Pão, neste domingo (14), o Dia Mundial dos Pobres. A data é uma iniciativa do Papa Francisco, neste ano em sua 5ª edição, com o objetivo de provocar a reflexão, ação e oração em torno dos que vivem em vulnerabilidade social. 

Neste domingo, gestos de solidariedade marcam o Dia do Pobre que visam à população mais vulnerável da Cidade Saúde. Organizada pela Área Benevente com a união das paróquias que compõem a região: Iriri, Anchieta, Alfredo Chaves e Guarapari.

Dia Mundial do Pobre será celebrado em Guarapari com refeições compartilhadas e outras ações
Foto: Divulgação

O evento tem como objetivo provocar reflexão e uma ação direta para os moradores em situação de rua. O movimento acontece em Guarapari na Pastoral Social da Paróquia Beato Padre Eustáquio, localizada em Santa Margarida. Logo pela manhã, a partir das 9 horas haverá  partilha do café, será ofertado também corte de cabelo - masculino e feminino, manicure, espaço de banho para os moradores em situação de rua e, em seguida, o almoço. Logo após, será realizada a entrega dos kits de higiene pessoal arrecadado nas comunidades que compõem as paróquias da Área Benevente.

“Um dos coordenadores da Área Benevente Paz & Pão, afirma que a rede de ações vai além da entrega de cestas básicas. É o resgate direto da dignidade dos que seriam os últimos da sociedade, explica Tiago Ravaiani. E ainda agradece imensamente o apoio  para a realização desse evento, mesmo sendo uma ação praticada no município de Guarapari, o evento conta com o apoio direto das paróquias que compõem a Área Benevente: Iriri, Anchieta e Alfredo Chaves. Para o coordenador, o dia é de reivindicações, é um grito. Segundo ele, é preciso de políticas voltadas a melhoria da vida das pessoas e dignidade humana. O município de Guarapari necessita de políticos que percebam o quanto é essencial executar o trabalho social na cidade, ou seja, que Guarapari tenha mais política de desenvolvimento e menos palanque, cita Tiago. Ele finaliza convidando a todos a conhecer a rede de ações permanente contra fome Paz & Pão da Arquidiocese de Vitória".

Coordenador Área Benevente Paz & Pão Tiago Ravaiani 


Você tem compaixão?

Neste ano, o Dia Mundial do Pobre tem como tema: “Sentes compaixão?”, um convite a não ter indiferença frente ao sofrimento das pessoas em situação de vulnerabilidade e à crescente pobreza socioeconômica que assola mais 51,9 milhões de brasileiros. O lema bíblico que inspira a celebração desta edição é: “Sempre tereis pobres entre vós”, extraído de Mt. 14, 7.


Dados da Área Benevente

Segundo dados da Paz & Pão na Área Benevente, a rede de ações conta com mais de 1.000 famílias cadastradas que vivem em extrema pobreza. Desde janeiro deste ano, com arrecadações das comunidades, de empresas e pessoas da sociedade civil, a Paz & Pão doou mais de 5.000 cestas básicas, com ações diretas à famílias de baixa renda, contando também com ações aos moradores em situação de rua.


Mensagem do Papa Francisco

Na mensagem para a VI Jornada Mundial dos Pobres deste ano, publicada em 13 de junho de 2021, o Papa Francisco convida a Igreja e a sociedade para não apenas se reconhecer também pobres e “ficar à espera que batam à nossa porta” mas ir ter com eles às suas casas, aos hospitais e casas de assistência, à estrada e aos cantos escuros onde, por vezes, se escondem, aos centros de refúgio e de acolhimento. É importante compreender como se sentem, o que estão a passar e quais os desejos que têm no coração”. 

A mensagem completa pode ser acessada neste link. 


Seja um doador da campanha:

Dia Mundial do Pobre será celebrado em Guarapari com refeições compartilhadas e outras ações
Foto: Divulgação


Da Redação
Por Portal ES Digital

Dupla suspeita de usar lava jato para adulterar placas de carros é presa em Vila Velha

Os veículos foram removidos e encaminhados ao pátio credenciado do Detran e os suspeitos encaminhados à delegacia Vila Velha

Dois suspeitos de adulterar placas de carros roubados foram detidos pela Guarda Municipal de Vila Velha, após serem flagrados em atitude suspeita próximo a um lava jato. Eles foram encaminhados para 2ª Delegacia Regional de Vila Velha para serem apresentados à autoridade policial

Durante patrulhamento na região de Capuaba, agentes da Guarda Municipal de Vila Velha viram um HB20 prata sem placa. Enquanto os agentes verificavam se havia alguma restrição, viram um homem em atitude suspeita deixando um lava jato. 

Ao abordarem o indivíduo, encontraram com ele duas placas de carros, uma delas, justamente, do veículo abordado anteriormente.

Dupla suspeita de usar lava jato para adulterar placas de carros é presa em Vila Velha
Foto: Divulgação PMVV

O suspeito informou que estava com as placas e que iria jogá-las fora em algum local distante, a pedido do dono do lava jato. Os guardas foram até o estabelecimento e com autorização do proprietário revistaram o local onde encontraram:

- um veículo Celta, do dono do comércio, que estava com as rodas do HB20 prata;

- documentos rasgados de dois veículos, um deles do HB20 prata;

- e uma moto Honda XRE também com restrição de furto e roubo.


Carro encontrado pela Guarda Municipal foi roubado em Vila Velha

A dona do HB20 prata localizado sem placas pela Guarda Municipal já foi encontrada. A mulher disse que o carro foi roubado em um assalto na semana passada, no bairro Santa Inês, quando ela estava com uma criança dentro do veículo.

Câmeras de vídeo monitoramento registraram toda a ação. Nas imagens, é possível ver o momento em que o carro prata se aproxima e para ao lado de um outro veículo. 

Dois homens descem do automóvel, vão até o lado onde fica o motorista e exigem que a mulher desça. Ela sai do veículo e, ao lado do carona, a criança também sai rapidamente. 

Após o crime, a dupla foge e as vítimas correm assustadas pela rua. Segundo a mulher, a única preocupação no momento da abordagem era com a criança.

A vítima também foi à Delegacia para prestar depoimento.


Da Redação
Por Portal ES Digital

Covid: com 126 mortes em 24 h, país tem 3º menor número de óbitos desde abril de 2020

Nesta segunda-feira, as médias móveis de óbitos e de infecções ficaram em 236 e 10.198, respectivamente

O Brasil registrou 126 mortes e 5.638 casos de Covid-19 nas últimas 24 horas. O número diário de óbitos pela doença nesta segunda-feira (8) é o terceiro mais baixo desde abril de 2020, atrás apenas dos dias 1º e 7 de novembro, quando foram reportadas, respectivamente, 98 e 57 mortes.

Covid: com 126 mortes em 24 h, país tem 3º menor número de óbitos desde abril de 2020
O número diário de óbitos pela doença nesta segunda-feira (8) é o terceiro mais baixo desde abril de 2020
Breno Esaki/Agência Saúde DF

Nesta segunda-feira (8), as médias móveis de óbitos e de infecções ficaram em 236 e 10.198, respectivamente. Os dados são do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass). Com a atualização, o país tem um total de 609.573 mortes e 21.886.077 infecções confirmadas desde o início da pandemia, em março de 2020.


Da Redação
Por Portal ES Digital

29 funcionários do Inep pedem demissão dias antes do Enem

A duas semanas das provas, servidores alegam que as decisões não são tomadas com base em critérios técnico

Às vésperas da primeira prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), 29 funcionários pediram demissão do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais), órgão responsável pela realização do exame, nesta segunda-feira (8).

Segundo a Assinep (Associação dos Servidores do Inep), mais demissões devem ocorrer ao longo desta segunda. A associação "lamenta que a situação tenha chegado a este ponto" e pede atuação do MEC (Ministério da Educação).

Os servidores enviaram uma carta de demissão em que se justificam dizendo que as decisões sobre o Enem não seguem critérios técnicos. No texto, eles destacam que "não se trata de uma posição ideológica ou de cunho sindical" e alegam "fragilidade técnica e administrativa da atual gestão máxima do Inep". 

29 funcionários do Inep pedem demissão dias antes do Enem
Foto: Divulgação

Vale destacar que os funcionários pediram demissão dos cargos que ocupam, mas continuam como servidores do Inep. Segundo texto publicado pelo jornal O Estado de S. Paulo, "o atual presidente Danilo Dupas — o quarto em três anos — é acusado pelos funcionários de desmonte do órgão mais importante do MEC (Ministério da Educação), assédio e desconsideração de aspectos técnicos na tomada de decisões".

Até o momento, pediram demissão:

1- Natalia Fernandes Camargo

2- Gizane Pereira da Silva

3- Marcela Guimarães Côrtes

4- Vanderlei dos Reis Silva

5 - Nathalia Bueno Póvoa

6 - Hélida Maria Alves Campos Feitosa

7 - Samuel Silva Souza

8 - Camilla Leite Carnevale Freire

9 - Douglas Estevão Morais de Souza

10 - Patricia da Silva Onório Pereira

11 - Denys Cristiano de Oliveira Machado

12 - Alani Coelho de Souza Miguel

13 - Leonardo Ferreira da Silva

14 - Elysio Soares Santos Junior

15 - Francisco Edilson de Carvalho Silva

16 - Silvana Maria Lacerda Gonçalves

17 - Andréia Santos Gonçalves

18 - Victor Rezende Teles

19 - Helciclever Barros da Silva Sales

20 - Helio Pereira Feitosa

21 - Saulo Teixeira dos Santos

22 - Edivan Moreira Aredes

23 - Rita Laís Carvalho Sena Santos

24 - Danusa Fernandes Rufino Gomes

25 - Claudia Maria Ribeiro Gonçalves Barbosa Marques

26 - Rosária Duarte Melo

27 - Karla Christina Ferreira Costa

28 - Adelino Nunes de Lima

29 - Clediston Rodrigues Freire


Na sexta-feira passada, dois coordenadores, de áreas estratégicas para a realização do exame — montagem da prova e logística —, também deixaram o Inep. Na quinta-feira (4), a Assinep  realizou uma assembleia em que denunciou Dupas por assédio moral. Na manifestação, os servidores alertaram que o instituto corre risco.

29 funcionários do Inep pedem demissão dias antes do Enem
Diretor do Inep, Danilo Dupas, acusado de assédio. Foto: Divulgação

Em um documento de cinco páginas, os servidores dizem que "o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), o Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes), o Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica) e os Censos da Educação Básica e da Educação Superior estão em risco, em razão das decisões estratégicas que estão sendo adotadas no âmbito da Presidência do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira)".

O manifesto também destaca que, "para além de problemas estruturais que foram negligenciados ao longo da atual gestão do Inep, os servidores denunciam o assédio moral, o desmonte nas diretorias, a sobrecarga de trabalho e de funções e a desconsideração dos aspectos técnicos para a tomada de decisão".

Há denúncia de "níveis excessivos de ingerência, que impossibilitam o devido cumprimento das tarefas e resultaram em diversos pedidos de exoneração de cargos e funções comissionadas, assim como em ociosidade de cargos por desinteresse de servidores em compor a alta gestão, rejeitando inclusive cargos comissionados de nível intermediário".


Da Redação
Por Portal ES Digital

Morre a cantora sertaneja Marília Mendonça

 Nesta sexta-feira (05) caiu a aeronave que levava a cantora Marília Mendonça

A informação da Polícia Civil é que nenhuma das cinco pessoas da aeronave sobreviveu. O acidente ocorreu por volta das 15:30h desta sexta-feira em uma cachoeira localizada em Piedade de Caratinga, região do Vale do Rio Doce.

Morre a cantora sertaneja Marília Mendonça
Foto: Reprodução


Em instantes maiores informações.


Da Redação
Por Portal ES Digital

Cai avião com a cantora Marília Mendonça

Um avião de pequeno porte que trazia a cantora Marília Mendonça para Minas Gerais caiu nesta sexta-feira (05) em uma cachoeira em Piedade de Caratinga, região do Vale do Rio Doce. A assessoria da cantora confirmou a informações e declarou que sertaneja está bem.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu por volta das 15h30, próximo de acesso pela BR-474. Duas pessoas estariam na aeronave. Ambas com vida, mas ainda não há detalhes sobre o quadro de saúde delas.

Cai avião com a cantora Marília Mendonça
Foto: Reprodução

A queda não provocou fogo e a aeronave também não submergiu, mas um forte odor de combustível é sentido no local, informaram os militares que atendem a ocorrência.  Além dos bombeiros, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) também participa do resgate.

Cai avião com a cantora Marília Mendonça
Foto: Reprodução

A avião envolvido no acidente é um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás. Ela tem capacidade para transportar até seis passageiros. De acordo com a Anac, a aeronave está em situação regular e tem autorização para fazer táxi aéreo.


Da Redação
Por Portal ES Digital

Aberto período de rematrícula e transferência nas escolas estaduais do ES. Veja os prazos!

A divulgação do resultado da Rematrícula, da Transferência Interna e da Pré-Matrícula feitos pelo site da Seges, será feita até o dia 04 de janeiro de 2022

A Secretaria de Estado da Educação (Sedu), iniciou nesta quinta-feira (04), o cronograma para rematrículas e transferências dos estudantes da rede estadual. As datas para pré-matrículas e matrículas dos demais níveis escolares também já foram divulgadas. 

Os estudantes já ingressados na rede estadual poderão garantir a vaga até o dia 30 de novembro. Esses alunos poderão solicitar sua rematrícula na unidade em que estuda atualmente ou a transferência para outra escola por meio do Sistema Estadual de Gestão Escolar (Seges).

De acordo com o secretário de Estado da Educação, Vitor de Angelo,  há vagas na rede estadual para todos os estudantes capixabas.

“Essa informação é importante, mas é necessário entender que, pode ser que, pelos fatores de alocação, o estudante não consiga a vaga na escola desejada. Mas a Sedu irá localizá-lo em uma outra opção, que seja a melhor para aquele aluno”, explicou.

Já o chamamento dos alunos que se encontram na lista de suplência em escolas que apresentaram séries e anos com vagas, após a fase de confirmação de matrículas, terá início no dia  15 de janeiro a 11 de fevereiro de 2022.

Aberto período de rematrícula e transferência nas escolas estaduais do ES. Veja os prazos!
Foto: Divulgação

Total de vagas ofertadas na Rede Estadual em 2022: aproximadamente 281 mil vagas

- Vagas por modalidade de ensino (vagas aproximadas):

Anos Iniciais Ensino Fundamental: 22.500 vagas

Anos Finais Ensino Fundamental: 89.500 vagas

Ensino Médio: 130 mil vagas

Educação de Jovens e Adultos (EJA): 39 mil vagas


- Educação em Tempo Integral:

Total de 52 mil novas vagas (22.500 para anos finais de EF em Tempo Integral / 29.500 para Ensino Médio de Tempo Integral)

Novidades: 40 novas escolas (Total de 132 escolas de Tempo Integral na Rede Estadual)

Novidades: 26 novos munícios com oferta de Tempo Integral em 2022 (Total de 75 municípios com oferta de Tempo Integral na Rede Estadual)

Novidades: 16 mil novas vagas


- Educação de Jovens de Adultos (EJA):

Total de 39 mil novas vagas (10.500 EJA Ensino Fundamental / 23.500 EJA Ensino Médio / 5 mil EJA Profissional)

Novidades: 2 mil novas vagas de EJA Profissional

Novidades: 2 mil novas vagas de EJA Regular


Novo Ensino Médio no ES

A partir do ano que vem alunos do ensino médio terão um aumento na carga horária de estudos e mudanças na grade curricular, que ficará mais flexível. As novidades começarão a ser implantadas nos estudantes do 1º ano e, até 2024, atingirão todas as três séries.

A estrutura é formada por dois pilares: o Currículo Geral Básico, com as disciplinas tradicionais da Base Nacional Comum Curricular, como Ciências, Matemática, Língua Portuguesa, entre outras; e os chamados Itinerários Formativos, que vão dar ao aluno a opção de usar parte da carga horária para se aprofundar em áreas de interesse, inclusive educação profissionalizante.

No Espírito Santo, segundo a Secretaria de Estado da Educação (Sedu), a ampliação da carga horária já teve início em 2019, em 17 escolas-piloto, e está hoje em todas as unidades da rede. Ainda segundo a secretaria, o currículo capixaba vai atender à reformulação proposta, dentro do cronograma divulgado.

Segundo Vitor de Angelo, a novidade é a implementação do Novo Ensino Médio em todas as escolas no próximo ano. Modalidade de ensino que contará, no mínimo, com mil horas. “No ato da matrícula os alunos devem escolher os Itinerários de Aprofundamento que a escola, possivelmente, vai ofertar. Isso é importante, porque garante a previsibilidade do Itinerário que o aluno vai estudar, proporcionando mais flexibilidade ao estudante”, disse o secretário.


Da Redação
Por Portal ES Digital

Após polêmica, vereador de Cachoeiro retira projeto do Dia da Esposa do Pastor

Proposta de Lei do vereador Delandi Macedo (Podemos) que determinava uma data comemorativa para as mulheres dos líderes evangélicos foi criticada nas redes sociais

As esposas de pastores de Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, vão continuar sem ter um dia para homenageá-las. O vereador Delandi Macedo (Podemos) recuou e vai retirar da pauta da Câmara Municipal o projeto de lei, de sua autoria, que cria o Dia da Esposa do Pastor.

Após polêmica, vereador de Cachoeiro retira projeto do Dia da Esposa do Pastor
Foto: Divulgação

"A proposta foi muito criticada nas redes sociais e tomou uma visibilidade muito negativa. Acredito que foi mal compreendida já que se trata de uma homenagem às mulheres que fazem a diferença junto às comunidades pois, nelas, há igrejas lideradas por pastores e, ao lado deles, há o apoio anônimo, sem descanso, dessas esposas para que o trabalho religioso não pare", justificou.

Após polêmica, vereador de Cachoeiro retira projeto do Dia da Esposa do Pastor
Vereador Delandi Macedo (Podemos) diz que projeto sofreu discriminação religiosa e também de gênero

Macedo, que também é pastor, havia proposto a data de 1º de março para homenagear as esposas dos líderes evangélicos. Ele diz que foi motivado para que essas mulheres ganhassem reconhecimento e que, diferente, de outras datas comemorativas, o foco não seria numa categoria profissional. 

"A esposa do pastor é alguém que vive no entorno do trabalho que o pastor faz. Sofre todas as aflições, cuida das tarefas de casa e sai em defesa do trabalho do marido na igreja. Na maioria das vezes, não há um reconhecimento dela porque a mulher do pastor não é pastora. A proposta de lei era simplesmente isso: dar essa visibilidade, mas o efeito foi outro", lamentou.

Ele disse que não quis se aprofundar sobre as críticas e parou de ler os comentários nas redes sociais. "Mas até onde li o que mais escreveram foram que eu deveria me preocupar em propor leis envolvendo temas mais importantes. Acontece que eu estou no meu terceiro mandato e também me pauto em outros assuntos. Já tenho uma atuação na área da saúde, sou presidente desta comissão aqui da Câmara, além de me envolver em discussões e propostas envolvendo meio ambiente e agricultura. O Dia da Esposa do Pastor era simplesmente uma homenagem. Nada demais", pontuou.

Ele protocolou o projeto no dia 26 de outubro. Não havia uma previsão de quando seria votado em plenário. O vereador acredita que a resistência a sua ideia de homenagear as mulheres dos pastores evangélicos é fruto de uma dupla discriminação. "Acho que o projeto sofreu, primeiro, uma discriminação religiosa. Há dia de tudo e ninguém reclama. E, em segundo lugar, essa crítica carrega uma discriminação contra a mulher", finalizou.


Da Redação
Por Portal ES Digital

Faculdade Pitágoras disponibiliza mais de 100 cursos gratuitos à distância

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas até dia 30 de novembro por meio do formulário on-line

A Faculdade Pitágoras liberou mais de 100 cursos para capacitação que podem ser feitos à distância, com 80 horas de duração e destinados a profissionais que buscam qualificação profissional e melhoria contínua das atividades desempenhadas em suas funções.

As inscrições  são gratuitas e devem ser feitas até dia 30 de novembro por meio do formulário online. Após a confirmação do cadastro, as instruções para acompanhamento das aulas serão encaminhadas por e-mail em até 5 dias úteis. A inscrição é permitida em apenas um curso por CPF.

Faculdade Pitágoras disponibiliza mais de 100 cursos gratuitos à distância
Foto: EvolueMed

“Os nossos cursos oferecem uma alternativa gratuita para os profissionais impulsionarem ainda mais suas habilidades, carreiras e formações. Oferecemos mais de 100 cursos na plataforma, que já conta com mais de 30 mil pessoas cadastradas. É uma oportunidade única que possibilita o estudo sem sair de casa”, afirma Roberta Lino, coordenadora de Relacionamentos da Pitágoras.

Ao final do curso, o aluno fará uma avaliação virtual. Atingida a aprovação, o próprio aluno pode solicitar a expedição do certificado, que é emitido gratuitamente. 


Da Redação
Por Portal ES Digital


Vacina na legislação

O remédio da saúde no Brasil

POR OSVALDO SIMONELLI | 
MESTRE EM CIÊNCIAS DA SAÚDE JUNTO A ESCOLA PAULISTA DE MEDICINA (UNIFESP)

O PL 25/2021 que altera o Decreto-Lei 2.848, de 7 de dezembro de 1940 (Código Penal), a fim de tipificar as condutas de infração de plano de imunização e de corrupção em plano de imunização deve ganhar força no Congresso Nacional após o término da CPI da Covid no Senado. A proposta busca criar causa de aumento de pena no crime de perigo para a vida ou saúde de outrem e estabelecer forma qualificada do crime de peculato para o caso em que a apropriação, o desvio ou a subtração for de bem ou insumo médico, terapêutico, sanitário, vacinal.

A ideia do PL 25/2021, quando de sua origem, foi incentivar um debate jurídico sobre o Plano Nacional de Imunização no Brasil. O intuito foi tipificar crimes que pudessem ocorrer neste, que é referência mundial: o plano de vacinação brasileiro. A proposta iniciou na Câmara dos Deputados e vem ganhando um corpo um pouco mais genérico e mais aberto no sentido de criminalizar algumas condutas e até aumentar as penas em alguns crimes que já existem relacionados à ação pública.

Vacina na legislação
Foto: Agência Brasil

Desde o início da tramitação, a proposta que era voltada de forma mais específica a questões do plano de imunização e questões relacionadas a vacinação, tramita agora no Senado Federal. O texto já ganhou 11 emendas e traz algumas questões importantes que se relaciona a corrupção na área da saúde. Acredito que a proposta tende a ganhar força e notoriedade agora após os trabalhos da CPI da Covid.

O maior e mais notório ganho do projeto trata da corrupção relacionada à saúde. Fenômeno escancarado durante os últimos meses no Brasil. Um momento que exigiu oportunamente o debate legislativo sobre a questão a fim de evitar o mal da corrupção no sistema de saúde brasileiro. A proposta conta com uma extrema viabilidade jurídica para ser aprovada.

A área da saúde é complexa e está atualmente passando por uma transição rápida e extremamente relevante – principalmente devido à pandemia. O que todos concordamos é que existe uma preocupação em ampliar o espectro do que é considerado corrupção na saúde. E principalmente no Plano Nacional de Imunização do Brasil, que, durante os últimos anos, figurou apenas positivamente no contexto midiático brasileiro.

Precisamos considerar que grande parte do nosso ordenamento jurídico na saúde carece de atualização. O Código Penal, por exemplo, precisa de atualização dos artigos referentes às questões sanitárias no país. Não tivemos durante a pandemia, por exemplo, uma normatização que abrangesse possibilidades de ultrapassar a fila na vacinação. Isso fez com que cada Estado regulasse da maneira que bem entendesse a questão.

Sem sombra de dúvida, tipificar ações que podem ser consideradas atos de corrupção podem fortalecer o sistema de saúde brasileiro do ponto de vista de gestão. É preciso lembrar que questões ligadas à saúde sempre imprimem um caráter de urgência em que não há tempo suficiente para tomar as medidas necessárias. É imperioso um ordenamento jurídico que abranja a questão e normatize as práticas sanitárias no país.


Da Redação
Por Portal ES Digital

Volta ao mundo pela fibrose cística

Instituto curitibano lança desafio para conscientização de doença renal rara

Até o dia 22 de novembro, O Instituto Unidos pela Vida, de Curitiba, promove um desafio que tem como objetivo a conscientização de uma doença renal rara e ainda sem cura: a fibrose cística. O desafio Volta ao Mundo pela Fibrose Cística busca incentivar a prática de exercícios ao mesmo tempo em que a campanha chama a atenção para a doença. O objetivo proposto pela desafio é completar um percurso total de 40 mil quilômetros, ou seja, um giro pelo globo.

Os participantes podem escolher modalidades que possam ter sua distância percorrida calculada, como caminhada, corrida, bicicleta, além de outros esportes. Assim, o aplicativo irá calcular e registrar a quilometragem. Para participar, é preciso baixar o aplicativo Equipe de Fibra e pagar a taxa de inscrição de R$ 10,90. Todo o valor arrecadado será revertido para ações de conscientização sobre a doença.

Volta ao mundo pela fibrose cística
Foto: Divulgação

Além de contribuir para a causa, os três primeiros colocados no ranking geral e os três primeiros do ranking "pessoa com fibrose cística", residentes em território brasileiro, receberão um troféu. Os 100 primeiros colocados no ranking geral, ou seja, que tiverem a maior quilometragem cadastrada, receberão um certificado de participação.

O que é a fibrose cística?

É uma doença genética rara, ainda sem cura, que tem como principais sintomas tosse crônica, pneumonia de repetição, diarreia, pólipos nasais, suor mais salgado que o normal, bem como dificuldade para ganhar peso e estatura.


Serviço:

Volta ao Mundo pela Fibrose Cística

De 09 de agosto a 22 de novembro

Inscrições: R$10,90

Aplicativo Equipe de Fibra disponível no Google Play e Apple Store. Entre no site e confira: www.voltaaomundofc.org.br


Da Redação
Por Portal ES Digital


Bolsonaro diz que está "jogando pesado" contra a alta dos combustíveis

Presidente voltou a culpar governadores e afirmou ainda que o "grande vilão" da inflação nos insumos é o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), e que o mesmo incide na média de 30% sob o preço final do combustível nas bombas.

O presidente Jair Bolsonaro repetiu nesta quarta-feira (3/11) que, apesar de não poder interferir na política de preços da Petrobras, tem "jogado pesado" contra a constante alta do preço dos combustíveis. A declaração ocorreu na saída do Palácio da Alvorada, em conversa com apoiadores. "Petrobras tem problemas? Tem. Ela se aparelhou com legislação para se auto proteger. Igual o preço por paridade internacional, é uma lei, acho que de 2016, se não me engano. Não sei se da (ex-presidente) Dilma (Rousseff) ou do (ex-presidente Michel) Temer. Aumentou lá fora, é automático aqui     dentro. Alguns falam que eu posso interferir. Eu sempre respondo civil e criminalmente. Então, nós estamos jogando pesado", alegou.

Bolsonaro diz que está "jogando pesado" contra a alta dos combustíveis
Foto: Evaristo Sá

Bolsonaro voltou a culpar governadores, disse ainda que o "grande vilão" da inflação nos insumos é o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), e que o mesmo incide na média de 30% sob o preço final do combustível nas bombas.

"O grande vilão, e é verdade, é o ICMS. Você tem que ver o que mais está pesando no preço do combustível. Vocês sabem que o imposto tem que incidir em cima de alguma coisa. Geralmente, incide em cima do produto na fábrica. O combustível, não. Os governadores decidiram incidir no preço final da bomba. Então, quanto mais alto, melhor. E a média é 30%. Então vamos supor, que esteja a R$ 6 o litro. R$ 1,80 é ICMS", alegou. "Dificilmente você vai ver um prefeito ou governador que esteja no vermelho. Todos estão no azul com recursos repassados para (o combate à) covid, recursos outros que repassamos para eles", completou.

No dia 1º, em entrevista na Itália, o presidente afirmou que a semana será de "jogo pesado" com a estatal, sem detalhar qual seria a estratégia do governo ao longo dos próximos dias. Ele disse saber, de forma extraoficial, que a empresa fará um novo reajuste nos preços dos combustíveis dentro de 20 dias. "Isso não pode acontecer". Na data, o titular do Planalto voltou a defender a privatização da estatal. 


Da Redação
Por Portal ES Digital